12 de agosto de 2022

Quezia Lis, do Galeão, conseguiu a regulação

Na luta pela vida, a jovem de 30 anos, que precisava de uma UTI coronariana, teve vaga liberada nesta segunda (16).

0 224

 

Após circular uma campanha solidária nas redes sociais, encampada por amigos e familiares, Quézia Lis Santos de Farias, de 30 anos de idade, do Galeão, município de Cairu-Bahia, que sofreu um infarto agudo do miocárdio, conseguiu ser regulada para o Hospital Regional Costa do Cacau, em Ilhéus, aonde vai poder receber o tratamento adequado ao seu quadro de saúde.

Ela estava internada na Santa Casa de Misericórdia de Valença desde o dia 12 de agosto, com diagnóstico de hipertensão arterial e miocardiopatia, e esperava ser transferida para uma UTI coronariana conforme relatório médico que constatou a necessidade.

O vídeo emocionado de sua mãe pedindo socorro por Quézia rodou a Bahia inteira sensibilizando várias lideranças políticas que intercederam junto a Sesab, mas que sobretudo, levantou uma corrente de oração para que o sistema de regulação a incluísse na emergência para um unidade hospitalar que tivesse estrutura para pacientes cardíacos.

Na luta pela vida, Quézia deu um passo importante para a sua recuperação, com a ajuda de todos que compartilharam e enviaram a informação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.