14 de abril de 2024

30 de janeiro de 2024

Governo da Bahia entrega Equipamentos de Proteção para Prefeituras de Valença e Cairu

Materiais são usados para limpeza de praias afetadas por manchas de óleo.

 

O Governo do Estado, por meio de uma ação conjunta da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), realizou a entrega de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) neste sábado (16) para as prefeituras de Cairu e Valença. A medida visa apoiar as operações de limpeza das praias afetadas pela persistente mancha de óleo no litoral da Bahia, abrangendo a Área de Proteção Ambiental do Guaibim e a APA Tinharé Boipeba.

Eduardo Topázio, diretor de fiscalização do Inema, ressaltou a importância dos EPIs:

“Esses equipamentos garantirão um trabalho seguro e eficiente, protegendo os profissionais envolvidos na remoção deste resíduo que alcançou nossas praias. Dentre os itens fornecidos estão: big bag, bota em PVC, boné árabe, bloqueador solar, camisa UV, espátula de aço, pá e sacos plásticos”

O reaparecimento das manchas de óleo nas praias baianas nos últimos dias levou as autoridades ambientais do estado a reforçarem as medidas de prevenção. Na quinta-feira (14), um encontro em Salvador abordou estratégias de enfrentamento desse novo episódio, incluindo a definição de um cronograma de ações para cada instituição envolvida.

As medidas incluem orientação técnica para limpeza das praias afetadas, apoio intensivo a municípios com menor capacidade de investimento, estudo de origem e deslocamento das manchas, além do fornecimento de EPIs e ferramentas, além de definição do destino apropriado para o material coletado nas praias.

Um dos principais pleitos dos gestores municipais foi a distribuição de Equipamentos de Proteção Individual para a coleta. Dentre os órgãos engajados no combate ao óleo no litoral baiano estão a Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema), o Inema, a Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros Militar, a Secretaria Estadual da Saúde e as prefeituras das localidades afetadas.

Fonte: Ascom/Inema
Deixe uma resposta