18 de abril de 2024

30 de janeiro de 2024

Espetáculo do Baixo Sul será apresentado no Festival da Ostra

Apresentação acontece no Quilombo Kaonge neste domingo (15), aberto ao público.

 

Dar vida e vozes aos personagens da História da Independência do Brasil na Bahia, é um dos obje-tivos do Espetáculo “O Theatro da Independência – Se as personagens falassem”.

De forma bem-humorada apresenta-se a visão de alguns protagonistas da independência, como o Corneteiro Lo-pes, Tambor Soledade, Maria Quitéria e Maria Filipa.

A apresentação acontece na Comunidade do Quilombo do Kaonge, em Cachoeira – Bahia, neste domingo (15), aberta ao público.

A peça escrita por Adriano Pereira e Chico Nascimento (Tata Mangolegi), foi preparada especial-mente para as comemorações do Bicentenário da Independência na Bahia. Montada em tempo recorde, teve sua estreia em Valença, na Praça da República, em julho deste ano, assistida e re-cepcionada sob aplausos e bons comentários do público.

Ator e coautor do projeto, Adriano Pereira explica que a escolha de apresentar a peça no Quilom-bo do Kaonge, em Cachoeira foi estratégica:

“Como estamos revisitando personagens pouco co-nhecidos, queríamos colocá-los em contato próximo com o público da localidade onde eles vive-ram e percebermos como os conhecem e quais as percepções que têm deles. O episódio com o tambor Soledade foi imortalizado em uma pintura à frente da Câmara de Cachoeira e está lá até hoje. É um personagem negro, pouco conhecido da história. Daí escolhemos o Kaonge. É também nossa forma de apoiar a luta destas comunidades, principalmente após o assassinato de Mãe Ber-nadete”.

A peça destaca a participação feminina e coloca como protagonista a recém reconhecida heroína negra, Maria Felipa, enfrentando o machismo existente e a tentativa de anular a existência da vida da personagem que lutou bravamente no Território da Ilha de Itaparica. Após o espetáculo, o público participa de um bate papo com elenco e direção, trocando impressões sobre o espetáculo e sua visão das personagens.

O elenco é composto pelos atores Adriano Pereira, Everton Bacélla, e Matheus Zumborí e pela atriz Flávia Fonseca.

Contemplado pelo Edital Diálogos Artísticos – Bicentenário da Independência da Bahia, da FUNCEB – Secretaria de Cultura, o projeto tem apoio financeiro da Fundação Cultural do Estado da Ba-hia, unidade vinculada à Secretaria de Cultura (Funceb/SecultBa) e realizará ainda uma apresentação em novembro na cidade de Feira de Santana.

Acesse o instagram:

https://www.instagram.com/p/CyLwJ6SgwvQ/

 

Deixe uma resposta