17 de abril de 2024

30 de janeiro de 2024

Baixo Sul é um dos territórios que receberão investimentos do “Parceiros da Mata”

Novo projeto do Governo da Bahia promete ser um marco para a conservação ambiental e o futuro sustentável dessa região tão rica em biodiversidade.

 

Neste sábado (27), Dia da Mata Atlântica, e Bahia tem uma conquista especial para a população e para o meio ambiente.

Com um investimento de US$150 milhões de dólares, vem aí o projeto do Governo do Estado, através da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Parceiros da Mata, comprometido com a conservação desse ecossistema único, que começa a ser executado no segundo semestre deste ano de 2023.

O projeto demonstra a relevância e a importância que o Governo do Estado atribui à conservação da Mata Atlântica, reconhecendo seu valor e potencial.

O Parceiros da Mata é voltado para o desenvolvimento sustentável da Mata Atlântica da Bahia e visa promover uma transformação produtiva sustentável para 100 mil famílias agricultoras, assentados da reforma agrária e os povos de comunidades tradicionais, em 61 municípios dos territórios de identidade Baixo Sul, Litoral Sul e Vale do Jiquiriçá.

Entre as ações a serem executadas estão investimentos em sistemas produtivos resilientes e iniciativas de proteção e recuperação ambiental, abastecimento de água, acesso a fontes de energia renovável e inclusão digital.

O diretor-presidente da CAR, Jeandro Ribeiro, explica que foram elaboradas políticas públicas que pudessem ser executadas não somente com conceito de inclusão socioprodutiva, mas também na conservação dos biomas baianos. “O bioma Mata Atlântica tem um destaque, pois tem a maior biodiversidade do planeta e atividades econômicas ligadas diretamente. A agricultura familiar é o melhor modelo de aplicar um projeto de desenvolvimento socioeconômico, utilizando o conceito básico de não agredir o meio ambiente e de ter em uma base econômica um seguimento da sociedade que representa quase 80% dos estabelecimentos rurais”.

O Parceiros da Mata é um projeto da CAR, empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com cofinancimento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e Fundo Internacional para o Desenvolvimento da Agricultura (FIDA).

 

CAR Bahia
Deixe uma resposta